Convivência, GUIA DE POSTS, Livros

10 dicas de como lidar com um cão ansioso

10 dicas de como lidar com um cão ansioso

A Lassie separou para você, leitor, 10 dicas de como lidar com um cão ansioso.

Como já sabem, a Lassie sente muita alegria em compartilhar referências valiosas de convivência com os pets.

Então, vamos saber mais sobre as dicas da Matilha da Lassie?

Trecho do Livro “Do Pátio ao Sofá de Casa” – 10 dicas de como lidar com um cão ansioso

Primeiramente, há alguma tempo atrás, postamos aqui uma dica de leitura: um e-book muito bem escrito, fácil de ser compreendido e colocado em prática!

A saber, o livro se chama “Do Pátio ao Sofá de Casa” – Manual Prático de Convivência com seu Cão dentro de Casa, escrito por Vinicius Kolling, em 2015.

A leitura deste livro é tão proveitosa para o convívio com cães que resolvemos destacar alguns trechos.

1 – Proporcione independência na rotina para segurança emocional:

De fato, cães precisam se acostumar no dia a dia a terem atividades sozinhos.

Ou seja, os pets precisam ficar mais tempo sem o dono para que desenvolva suas capacidades exploratórias.

Desta forma, o tutor terá mais liberdade fazer suas atividades, como ver um filme no sofá de casa, receber amigos ou namorar.

Já para o cão, os benefícios caem na autoconfiança em uma eventual falta de humanos na casa.

2 – Use o comando “fica!”:

Dica para lidar com cão ansioso - usar comando fica!O cão deve ser acostumado a ausências temporárias por meio do comando “fica!”.

Conheça nossos Produtos

Em outras palavras, o animal ao ficar parado e ver o dono sair do campo visual, mas retornar logo, percebe que não é
necessário demonstrar insatisfação com essa ação.

3 – Diga não às longas despedidas:

Encurtar os momentos de despedida com seu cão é outra dica importante.

Conheça nossos Produtos

Dar carinho extra e pedir desculpas ao cão antes de sair só servirá para deixá-lo mais ansioso e propenso ao sofrimento.

Portanto, na hora de sair vá embora sem cerimônia.

4 – Associe a saída a uma recompensa:

Associar a sua saída com algum tipo de recompensa, também pode ser útil nestas horas.

Por exemplo, dê um brinquedo que seu cão goste muito antes de sair e retire da posse dele assim que chegar.

Quiz Lassie

Todavia, o acesso ao brinquedo deve ser exclusivo para momentos de ausência.

Desta forma, o cão irá atribuir a sua saída a esta diversão, sentindo-se bem diante deste cenário.

5 – Dê liberdade de circulação ao cão:

Dar liberdade de circulação na casa para o cãoÀ primeira vista, dar liberdade para que o cão possa circular livremente é outra ação poderosa para cães ansiosos.

Portanto, permita que o animal tenha livre acesso à casa durante sua ausência.

Assim, ele pode se sentir mais calmo e seguro nos espaços de convivência comum com seu dono.

6 – Deixe objetos com seu cheiro:

Juntamente com as dicas já mencionadas, o fato de deixar itens com cheiro do dono acalma o pet.

Logo, deixe objetos com seu cheiro: roupas, acessórios, entre outros.

Do mesmo modo, se precisar isolar o cachorro em um cômodo, deixe com ele objetos com seu odor.

Certamente, ele irá associar o aroma do seu dono, sentindo-se como se você estivesse por perto.

7 – Evite contextos traumatizantes:

Inegavelmente, a sua saída não pode parecer um contexto traumatizante para o seu pet.

Logo, durante a sua ausência evite que seu animal seja submetido a qualquer tipo de susto, como barulhos e queda de objetos.

8 – Ocupe seu cão:

Ocupar o seu dog durante o período em que precisa estar fora de casa ira trazer benefícios na convivência entre vocês.

Portanto, a dica é proporcionar atividades para ocupar o cão física e mentalmente.

Assim, esconda petiscos pela casa para ele procurar ou prenda-os em uma garrafa pet com pequenos furos para ele gastar
tempo tentando comer.

9 – Não chegue fazendo festa:

A primeira vista, parece ser difícil não fazer aquela festa ao chegar em casa e rever seu pet.

Mas, aqui a dica é apenas para não dar atenção ao cão imediatamente após a sua chegada.

Chegue de forma calma, tirando os sapatos, indo ao banheiro e tomando um banho e, só depois, dê o carinho e atenção ao seu companheiro.

Além de ensiná-lo a respeitar seu espaço, ele vai entender que a sua saída não foi um grande drama.

10 – Considere a possibilidade de ter outro cão:

Cogite ter mais de um pet para tratar ansiedade caninaEnfim, dar um irmãozinho pet ao seu cão contribui e muito para deixá-lo menos ansioso enquanto você estiver ausente.

Aliás, ter mais um companheiro pet será mais um motivo de felicidade para você.

Assim, todos irão se divertir bastante juntos.

Final Feliz

Então, corre lá colocar em prática as dicas do livro “Do Pátio ao Sofá de Casa”para acalmar seu cão e deixá-lo mais tranquilo na sua ausência.

Acreditamos que seja um pequeno manual muito valioso para ser colocado em prática e usado com qualquer pet!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.